BLOG

Confira abaixo as novidades da São Lucas.

Cigarro eletrônico faz mal para a saúde!!

Cigarro eletrônico faz mal para a saúde!!

O cigarro eletrônico, ou popularmente conhecido como Vape, se tornou uma febre entre os jovens. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), em 10 anos, o número de usuários do vape, principalmente no público jovem, saltou para mais de 40 milhões.

Infelizmente criou-se uma crença errônea de que o vape é menos prejudicial do que o cigarro comum. Com um discurso de que ele seria uma boa opção, por conter menos substâncias cancerígenas como a nicotina, e ter menores chances de causar dependência.

Mas esses dispositivos eletrônicos possuem uma série de substâncias químicas tóxicas, como álcool benzílico, benzaldeído, vanilina, acroleína e diacetil. Pesquisas como da CDC, demonstram que o aquecimento do solvente de nicotina presente no cigarro eletrônico quando queimado acima de 150ºC, pode liberar até dez vezes mais formaldeído, uma substância cancerígena - que os cigarros comuns. Além disso, a temperatura do vapor também pode ser prejudicial para as vias respiratórias, já é comprovado que metais pesados têm sido encontrados no vapor liberado, as substâncias químicas usadas para criar os mais de 1.500 sabores não possuem comprovações de que são seguros ao longo prazo. 

A EVALI (conhecido no brasil como Lesão Pulmonar Associada a Produto de Vaping ou Cigarro Eletrônico) é uma sigla em inglês que foi criada em 2019, para denominar a doença pulmonar causada pelo uso do cigarro eletrônico. 

Os principais sintomas são: 

  • Falta de ar;
  • Febre;
  • Tosse;
  • Náusea e vômito;
  • Dor no estômago;
  • Diarréia;
  • Tontura;
  • Palpitação;
  • Dor no peito;
  • Cansaço excessivo.

Caso esteja sentindo algum desses sintomas, após utilizar o cigarro eletrônico, é importante procurar ajuda médica aqui na São Lucas, para que seja feita uma avaliação por um médico especialista, o mais rápido possível.


Leia também